infertilidade é a dificuldade de um casal obter gravidez no período de um ano de tentativas, isto é, tendo relações sexuais sem uso de nenhuma forma de anticoncepção. A chance de um casal normal obter gravidez, por ciclo menstrual, é de aproximadamente 20% e que, após um ano, mais de 80% dos casais conseguirão gravidez. Acredita-se que 15% dos casais tenham alguma dificuldade de fertilização. Algumas causas masculinas podem ser: criptorquidia (testículos com localização fora da bolsa escrotal), hormonais, infecções, varicocele e obstruções do canal deferente (canal por onde passam os espermatozóides).  Identificada a causa e o grau da infertilidade, o médico avaliará quais as possibilidades de tratamento. Em alguns casos se pode usar os métodos de reprodução assistida (inseminação intrauterina e fertilização in vitro).

 

Quero engravidar e não consigo, o que devo fazer?

Um casal é considerado infértil quando após um ano tendo 2 a 3 relações sexuais por semana sem proteção a mulher não engravida.

Quando este fato ocorre o ideal é que em primeiro lugar o homem vá ao médico e faça um exame denominado Espermograma (um exame bem simples e que define se o homem pode ou não ter filhos), caso o exame de Espermograma dê alterado um médico Urologista deve ser procurado, ele pode conduzir a investigação e o tratamento adequado para a infertilidade masculina.

Se o Espermograma for normal então é a mulher que deve procurar um Ginecologista que vai conduzir a investigação e tratamento adequado para a infertilidade feminina

 

Existe algum remédio para fortalecer os espermatozoides?

Dependendo do tipo de alteração encontrada no espermograma existe sim tratamento, procure um médico urologista.

 

O espermograma deu ausência de espermas, o que fazer?

Deve procurar um urologista Este analisará o resultado e conduzirá uma investigação mais apurada para saber a causa exata da alteração e somente depois disso poderá ser proposto algum tipo de tratamento.

 

A infertilidade pode ser causada pelo uso de drogas como a maconha ou cocaína?

Sim. Essas drogas causam alterações na produção dos espermatozóides.

 

A vasectomia pode causar impotência sexual?

Não há relação entre a cirurgia de esterilização definitiva, vasectomia e a disfunção erétil.

 

Quando o homem perde um de seus testículos ele fica infértil e impotente?

A função sexual e reprodutiva pode ser mantida em condições normais por apenas um dos testículos. Normalmente, o testículo remanescente pode suprir a produção hormonal e preservar a ereção e a fertilidade. No entanto é necessário observar a causa da perda desse testículo. Após traumatismos, normalmente a gônada remanescente fica normal. No caso de doenças infecciosas e congênitas pode haver comprometimento da fertilidade. Após torção bilateral do cordão espermático (estrutura que contém os vasos sanguíneos e nervos dos testículos), a produção de testosterona também fica comprometida.

Comments are closed.